Segunda-feira, 12 de Maio de 2008

'CASTELO DE CARTAS'

'CASTELO DE CARTAS' - dia 09 de Maio às 22h no Kabuki - Centro de Arte
 
Rua Newton, nº 10 - B, Freguesia dos Anjos
 
 
Link para o trailer da peça: http://www.youtube.com/watch?v=vuWQlwZr1A8
 

publicado por Beatriz Kolvitz às 15:21
link do post | comentar | favorito
|

Donzel do Cavaleiro Dom Quixote

Com estreia marcada para o dia 16 de Maio na Póvoa de Lanhoso.

O Donzel do Cavaleiro Dom Quixote é a 2ª Produção do Teatro Invisível em co-produção com o Centro de Criatividade - Póvoa de Lanhoso.

Texto de Luis Matilla e direcção de Moncho Rodriguez.

Para mais informações

Telm: 962778330




publicado por Beatriz Kolvitz às 15:10
link do post | comentar | favorito
|

Low Cost Filmes: Primeira produção

NO OITAVO

Aí está a primeira curta realmente produzida pela Low Cost Filmes. "No Oitavo" terá entre 12 e 15 minutos, conta com a participação de Alberto Carvalhal, Duarte Victor, José Nobre e Luis Pacheco. Escrito e realizado por António Aleixo e produzido por Pedro Soares, o filme está já montado sendo que estamos agora a montar o som e os genéricos. A música foi gentilmente cedida por Moby e planeamos estrear dentro de dois meses.Ficam aqui umas fotos da rodagem que decorreu em Fevereiro para ir matando o bichinho.


in http://low-cost-filmes.blogspot.com/


publicado por Beatriz Kolvitz às 15:05
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sexta-feira, 2 de Maio de 2008

No Parapeito da Ponte

(Foto de José Santos)

No Parapeito da Ponte (L'Homme sur le Parapet du Pont) é um texto de humor negro, cruel e absurdo sobre o comportamento humano e a forma como é vigiado por homens e mulheres detentores de um poder enorme e manipulador, através duma imprensa distituída de valores éticos e deontológicos. A vida íntima de cada um torna-se assim um espectáculo para devoradores de imagens, notícias e de símbolos. Só o homem lúcido e atento à transformação do mundo pode ser a medida de todas as coisas. Será ele capaz de combater os seus montros?

Guy Foissy escreve um teatro que aborda a problemática da sociedade contemporânea e da realidade das coisas com grande sentido de humor. Dos pequenos detalhes da vida quotidiana e das personagens comuns que a habitam, revela-nos grandes histórias. Uma escrita dramática centrada no conflito e na palavra com uma "carpintaria teatral" extraordináriamente simples e eficaz, que não deixa o espectador indiferente a uma sociedade doente dos seus medos, das suas fraquezas, da sua brutalidade e do seu ódio.

Primeiro as imagens, a luz e as sombras. A palavra e o olhar são substâncias preciosas. Começa a sedução, intensa, mútua.

Todos somos cumplices.

DV
 
TEATRO DE BOLSO, TAS, Setúbal
de quinta a sábado, 21.30
tags:

publicado por Beatriz Kolvitz às 15:00
link do post | comentar | favorito
|

.Mais sobre nós

Uma estrangeira muda-se para Lisboa com o marido. Apaixona-se novamente e decide recomeçar, deixando para trás uma história já vazia de qualquer forma de comunicação. Num bar do Cais do Sodré, alguém nota a sua presença, participando da descoberta de uma cidade e de uma mulher, que poderia ser qualquer mulher de qualquer lugar. É dessas descobertas que fala a peça de teatro "Há mar em Lisboa", cujo guião está a ser desenvolvido neste blog. Participe sugerindo situações, diálogos e cenas, bem como enviando imagens de Lisboa. Ajude-nos a construir uma peça de teatro em movimento e interactiva.

Ver mais
Participe enviando um e-mail!

.pesquisar

 

.posts recentes

. 'CASTELO DE CARTAS'

. Donzel do Cavaleiro Dom Q...

. Low Cost Filmes: Primeira...

. No Parapeito da Ponte

. 40 anos, jornalista, Sant...

. 38 anos, esteticista, São...

. 52 anos, professora de ta...

. 26 anos, assistente socia...

. 35 anos, Diplomata, Bangu...

. 36 anos, estilista, Liége...

.arquivos

. Maio 2008

. Agosto 2007

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds